Sal do Himalaia

Pink_Himalayan_SaltPorque um delicioso banho de banheira com sal do Himalaia vai fazer bem para sua saúde?

Os minerais do sal vão penetrar na pele em forma de íons. Esta estimulação vai provocar o crescimento natural das células.Além disso, os pontos bio -energéticos serão equilibrados e o fluxo de energia do seu corpo será ativado.

Ele é também excelente para :
Várias doenças de pele
Reumatismo e doenças articulares
Cuidados pós-operatórios
Doenças ginecológicas
Picadas de insetos graves, bolhas ou ferida

O efeito desintoxicante de um banho de sal do Himalaia equivale a 3 dias de jejum . Para obter todos os benefícios de um banho de sal terapêutico, a concentração de sal certa é fundamental . A concentração segue a fórmula: para uma solução a 1% é 1.28 gramas de sal por litro de água.Uma banheira cheia normalmente leva 100-120 litros de água , pelo menos 1,2 kg de sal natural é necessário. A água deve ser de aproximadamente 37 ° C . Seu banho permanecerá a uma temperatura constante, porque a composição biofísica do sal é tão forte que faz com que as moléculas se movam em um ritmo constante .

Não use quaisquer produtos de banho , sabonetes, ou óleos. Seu banho deve durar de 20 a 30 minutos. Durante este tempo , a temperatura e a composição da salmoura é comparável com o do líquido amniótico , em que o embrião flutua no estado pré-natal . Não se enxague, basta secar-se com uma toalha. Após o banho, você deve descansar por pelo menos 30 minutos.

AVISO:Se você sofre de alguma doença, consulte o seu médico primeiro.

A salmoura com sal do Himalaia também pode ser usada para tratamento de acne,infecções de ouvido, fungo do pé,congestão nasal,psoríase ,dores de garganta – gargarejo com solução de salmoura quente, mas não engula.

Na culinária só uso sal do Himalaia a anos,pois tem muitos minerais e 60% menos sódio do que o sal normal. Isso evita uma série de doenças como hipertensão, diabetes, problemas circulatórios e retenção de líquidos. Principalmente num país como o nosso onde 75% das pessoas consomem quase duas vezes mais sódio do que o recomendado.

Gostaram?

Beijinhos   🙂    Lú

fonte:http://www.foodmatters.tv/articles-1/how-to-use-himalayan-salt-crystals-for-healing

Anúncios

Vinho Para Sua Saúde

1383934_10202414506551966_1371298070_n

Há muito sabe-se que o álcool, consumido em pequenas doses regulares, traz benefícios para a saúde. Estudos epidemiológicos mostram que o álcool presente no vinho, cerveja e destilados pode diminuir a mortalidade por infarto do miocárdio, isquemia cerebral, etc. Entretanto, o vinho é quem mais desperta interesse dos cientistas por apresentar, além do álcool, diversas substâncias antioxidantes em sua composição. Entre os mais de 1000 compostos encontrados no vinho, os polifenóis (flavanóides, taninos, catecinas, resveratrol, etc) são os mais estudados.

Os polifenóis, derivados de várias plantas, são os antioxidantes mais encontrados em nossa dieta. De acordo com sua origem, apresentam diferentes estruturas químicas. Atualmente, vários estudos têm demonstrado que o resveratrol, um antioxidante natural presente em vinhos tintos e brancos, está associado com os efeitos benéficos do vinho na doença coronária. Além disso, em laboratório, o resveratrol tem mostrado efeito protetor contra o câncer, embora estes resultados ainda não tenham sido demonstrados na prática clínica. Também controversa é a hipótese de que os flavanóides parecem mostrar um efeito protetor contra doenças cardiovasculares, atuando sobre o LDL (colesterol ruim).

Doenças coronárias: o consumo moderado de vinho controla os níveis sangüíneos de algumas substâncias químicas inflamatórias chamadas citocinas. Estas, por sua vez, afetam o colesterol e as proteínas da coagulação. O vinho é capaz de reduzir os níveis de LDL e aumentar os de HDL (colesterol bom). Com relação à coagulação, o vinho torna as plaquetas presentes no sangue menos aderentes e reduz os níveis de fibrina, evitando que o sangue coagule em locais errados. Estes efeitos poderiam prevenir o entupimento de uma coronária, evitando um infarto do miocárdio.

Doenças do cérebro: Os efeitos mais conhecidos do álcool sobre o sistema nervoso são a embriaguez e a dependência alcoólica. Entretanto, quando consumido com parcimônia, o vinho parece reduzir o risco de demência, incluindo o Mal de Alzheimer. Segundo alguns especialistas, os polifenóis presentes no vinho (principalmente nos tintos) seriam os responsáveis por evitar o envelhecimento das células cerebrais. É intrigante notar que, proporcionalmente falando, a ação antioxidante dos polifenóis dos vinhos brancos é superior à dos tintos. Entretanto, a quantidade de polifenóis dos tintos é muito superior à dos brancos, tornando estes vinhos mais interessantes para as células cerebrais. Além da ação antioxidante, os vinhos melhoram a circulação cerebral, com o fazem com a circulação coronária. Sabe-se, ainda, que as chances de apresentar depressão são menores em consumidores moderados de vinho.

Doenças respiratórias: Experimentos recentes têm demonstrado que o vinho é capaz de reduzir as chances de uma infeção pulmonar, sendo mais eficaz que alguns antibióticos modernos.

Doenças do aparelho digestivo: Há vários séculos, São Paulo já recomendava “um pouco de vinho para a saúde do estômago”. Hoje, sabe-se que o consumo moderado de vinho está associado a uma menor incidência de úlcera péptica por uma série de razões: alívio do estresse, inibição da histamina, ação antimicrobiana contra o Helicobacter pylori, bactéria implicada na gênese da úlcera duodenal. Por atuar sobre o colesterol, o vinho parece reduzir as chances de formação de cálculos no interior da vesícula biliar.

Doenças do aparelho urinário: Estudos mostram que o vinho é capaz de reduzir em até 60% o risco de formação de cálculos urinários, ao estimular a diurese.

Diabetes: o vinho consumido de forma moderada melhora a sensibilidade das células periféricas à insulina, sendo interessante nos pacientes com diabetes tipo 2 (não insulino-dependente). Além disto, o vinho reduz as chances de morte por infarto do miocárdio em pacientes com diabetes tipo 2. Em mulheres, um estudo mostra que o vinho pode reduzir as chances de surgimento de diabetes.

Sangue e anemia: O álcool ajuda o organismo a absorver melhor o ferro ingerido nos alimentos. Além disto, um copo de vinho tinto contém, em média, 0,5mg de ferro.

Ossos: alguns estudos populacionais têm demonstrado que o consumo de pequenas quantidades de vinho é capaz de melhorar a densidade óssea, reduzindo as chances de osteoporose.

Visão: O vinho reduz a degeneração macular, causa comum de cegueira em idosos.

Câncer: A possibilidade de que os antioxidantes presentes no vinho pudessem prevenir alguns tipos de câncer despertou o interesse de muitos pesquisadores em todo o mundo. Alguns estudos populacionais mostram uma redução da mortalidade por doença coronária e por câncer em bebedores comedidos de vinho. Por exemplo, homens que consomem vinho sensata e regularmente têm menor chance de desenvolver Linfoma não-Hodgkin.

Em pouquíssimas situações, um remédio pôde ser tão infinitamente agradável e prazeroso.

Santé !Gostaram?

Essa matéria saiu na revista Wine Style e é de autoria do médico e diretor da ABS-SP Dr.Gustavo Andrade de Paulo.

Beijinhos 😉 Lú

Vai Casar?

Oiiiii meninas!

Pensando em casar esse ano?

Veja o que está IN neste ano e prepare-se…você vai se apaixonar e querer um casamento assim 🙂 🙂 🙂

12pc3Cadeiras de Acrílico Transparente …chiquérrimas!e você ainda pode “personalizar”com o tema que quisermarisolfront

Vestido de noiva tipo camisola…adoro 🙂Naked-Wedding-Cakes1

Bolos de casamento sem cobertura,mas com muito charmeinvitation-map

Convites “feitos a mão”lace-bridesmaid-dresses-007

Vestidos de dama de honra de renda… fofasil_570xN.516973969_cywd

Caminhos de mesa 🙂flower-garland Bob-Z-wedding-flowers-garland-2-11

Guirlandas de florinstagram-sign-with-wedding-hashtag-2

Hashtags dos noivosblush-pink-wedding-gowns-lg

Vestidos de noiva rosa pálido de designers como Monique Lhuillier, Lazaro and Vera Wangwedding-liancarlo-illusion-back-3827

Vestidos de noiva com tule e rendarustic-Ojai-garden-wedding-farmhouse-family-style-reception-tablesallen-reception-family-tables

Recepção estilo famíliawq

Pantone Radiant Orchid Style …A COR de 2014!decoration1179Velas na decoração!Fica lindo e é SUPER romântico!

Gostaram? Essa festa vai ser d+++

Beijinhos   🙂     Lú

fonte:www.shefinds.com

Lavanda

Oiiii pessoal!

Retornar de férias não é uma tarefa fácil…não sei vocês ,mas eu demoro um pouco pra entrar no ritmo…rs!

Além disso ficou um pouco tensa de chegar e já ter que enfrentar esse transito louco 😦  além das mil coisas pra fazer…

Amoooooooooooo a lavanda ! Ela é minha companheira de uma vida   😉 11530_527626293993067_556187458_n

Uso de várias formas,óleo essencial no travesseiro antes de dormir(você pode colocar no aromatizador),sabonete,hidratante,sachê e até chá que é ótimo para insônia,digestão e queda de cabelo…563010_515254105230286_407453411_n

Sempre busco alternativas naturais para TUDO! Então fica a dica!

1528578_567449656677397_963629964_n

Beijinhos 🙂  Lú

Começar de Novo…

Oiiiiiii pessoal!

Tudo bem?Como foram de férias? Eu curti muito o sol!Esse ano ele brilhou muuuuitoooo e para todos e deu pra curtir muito né?

Bom agora é voltar a realidade ,retomar o ritmo e para isso vamos precisar de muita energia,certo?

Essa dica é da minha amiga nutricionista Giovana Morbi (www.giovanamorbi.com.br)

Essa vai nos ajudar na nossa missão além de refrescar

“Couve de Bruxelas é o novo ingrediente dos sucos verdes! Estudos mostram que os benefícios nutricionais da couve de Bruxelas não são brincadeira, especialmente em comparação com os ingredientes já utilizados na bebida verde, como espinafre e couve. No Reino Unido, a moda é a couve de Bruxelas no suco e quem provou, aprovou!

couve_bruxelas

Suco Verde Power

Superpoderoso! Elimina toxinas, rico em nutrientes que ajudam no ganho de massa muscular e ajuda na queima de gorduras.

Rende: 2 copos

  • 1 pepino fatiado
  • 1 maçã
  • 1 kiwi
  • Suco de um limão (pode ser o siciliano também)
  • 1/2 xícara de chá de couve de bruxelas
  • 1 folha de couve manteiga
  • 1 pedaço pequeno (1 cm) de gengibre.
  • 200 ml de água de coco (o ideal é não ter água, mas se você está começando a tomar o suco verde, sugiro colocar água de coco para adoçar a preparação) “.suco_verde_-_trichic-receita

Gostaram? Então visita o site http://www.giovanamorbi.com.br que lá tem muitas dicas de saúde e nutrição!

Beijinhos 🙂 Lú