Aquário – Liberdade Verdadeira

aquariusO mês de Aquário é conhecido por ser um mês de Luz, liberdade e capacidade de se conectar com o “cenário completo”. Kabalisticamente, sabemos que todos nós somos influenciados pela energia de cada mês, mesmo que não tenhamos nascido naquele mês. Isso significa que, mesmo que sejamos, por exemplo, de Câncer, Gêmeos ou Peixes, ainda assim seremos influenciados pela energia do mês de Aquário: primeiro, porque esta é a energia que se encontra disponível para nós neste momento e segundo, porque cada um de nós possui dentro de si um pouco de cada um dos doze signos do zodíaco.


Talvez a qualidade mais aparente dos aquarianos seja o amor que possuem pela liberdade e como detestam ser pressionados. O aquariano é o tipo de pessoa que pode dizer: “Sou quem sou, e se você não gosta… vai ser difícil!” Ao mesmo tempo, porém, a natureza do aquariano é ser filantrópico, preocupar-se com o mundo, fazer parte de causas humanitárias. A razão para isso é que a mente do aquariano enxerga o plano geral, o cenário completo. Por outro lado, relacionamentos familiares e interpessoais podem ser um problema para os aquarianos. Não me interpretem mal, os aquarianos amam o mundo e acreditam nos conceitos de amor fraterno e entendimento entre os homens; eles só têm dificuldade em amar uma pessoa só, porque sua mentalidade e visão são tão amplas e capazes que eles se recusam a serem restringidos.

Então, o que essa informação significa para nós este mês? Como podemos usar esta energia de liberdade e de visão do cenário completo para nos elevarmos ao próximo nível? Bem, basicamente, o desafio este mês será praticar o escutar e estar presentes para aqueles que estejam ao nosso redor. Isso pode parecer contraintuitivo para a vastidão das ideias do aquariano, mas em longo prazo, estar atento aos outros pode ser a chave para ajudar-nos a traduzir todos os nossos pensamentos brilhantes em realidade. A verdade é que, sim, podemos ter grandes ideias e grandes sonhos. Mas se não conseguirmos nos comunicar com aqueles que estão ao nosso redor, se não pudermos escutar as mensagens que o universo envia o tempo todo, então como poderemos esperar seguir adiante para tornar nossos sonhos realidade?

Agora você pode estar pensando: “O que você quer dizer com isso? Tenho ouvidos e escuto!” Mas a verdade é que a maioria de nós não escuta, porque ouvimos com nosso ego. Ouvimos aquilo que queremos ouvir, não necessariamente o que a outra pessoa está tentando nos dizer. Podemos pensar nisso da seguinte forma: será que algum de nós alguma vez esteve em alguma discussão em que estivesse totalmente errado? Claro que não! Por isso é que havia uma discussão para começo de conversa.

Então, por que é que duas pessoas às vezes precisam de um mediador para ajudá-las a se comunicarem? Será que é porque elas não têm ouvidos? Não, é só porque uma pessoa acha que está certa porque seu ego assim lhe disse, e a outra também acha que tem razão porque seu ego também fez o mesmo. Ego nem sempre é necessariamente algo ruim. É só a forma como nós, humanos, funcionamos automaticamente.

Certa vez, enquanto o rei Davi estava caminhando, um homem chamado Cosbi o abordou e começou a xingá-lo. Todos os homens de Davi correram para matar o homem. No entanto, antes que eles pudessem tocar em Cosbi, o rei Davi os impediu e disse: “Se ele está me xingando, então eu mereço ser xingado”. Em outras palavras, ao invés de culpar a situação, Davi imediatamente se perguntou o que poderia ter feito para ter atraído aquela situação.

Para nós, esse é um ensinamento poderoso; quando alguma coisa acontece em nossas vidas e sentimos que estamos sendo criticados, devemos olhar para o que podemos aprender com a situação ao invés de automaticamente assumir que a outra pessoa está errada ou procurar formas de revidar para ficarmos quites com ela. Precisamos nos perguntar: o que é que a Luz está me ensinando através dessa pessoa? O que posso aprender com essa situação para me tornar mais forte internamente?

Quando alguém nos ofende ou faz alguma coisa difícil ou dolorosa de aceitar, precisamos chegar ao ponto de perguntar: por que mereci isso? Sei que mereci, do contrário isso não teria acontecido. Será possível que isto esteja acontecendo para me tornar mais forte, para me fazer escutar melhor, para me tornar mais atencioso?

Neste mês, a chave para a liberdade que o aquariano deseja é conceder dignidade humana àqueles ao redor, escutar os outros e tentar enxergar a situação a partir do ponto de vista do outro. Neste mês, precisamos tentar não escutar o que nosso ego decidir escutar – ou seja, nossas próprias decisões e opiniões – mas realmente nos colocarmos de lado e, através deste esforço, crescer e manifestarmos ainda mais o potencial da nossa alma.

Karen Berg

fonte: Kabbalah Centre Brasil

SP | 11 3061 2307 | kcsaopaulo@kabbalah.com

Alameda Itu, 1561 | Jardins

Pérolas de Karen Berg

14 pérolas de sabedoria que aprendi com Karen Berg. Por Billy Phillips

1. O que chamamos de Amor é na verdade carência. Carência é precisar do outro para se sentir bem. O amor é incondicional e a sua preocupação, cuidado e esforço é no sentido de preencher as necessidades físicas e espirituais da outra pessoa,não a nossa.

2. Todas as noites antes de dormir, devemos buscar nossas falhas e reações negativas do dia que passou, e realmente pedir a Deus ajuda para transformar essas características negativas em nós.

3. Fique em silêncio quando você está desesperado para falar. Fale quando você está com medo e em silêncio…com muito medo de enfrentar a situação. O que mais importa nunca é a ação. É a consciência por trás de nossas ações.

4. Nunca ensine ou diga qualquer coisa a alguém sobre qualquer sabedoria espiritual, se você não sentir amor e carinho pela pessoa primeiro.

5. Se você encontrar algo de errado em alguém, ou se te machucarem, primeiro desperte amor incondicional por essa pessoa. E pergunte a si mesmo:você falando com um sentimento de cuidado incondicional?

6. Nós nunca caimos. Nós só subimos para o próximo degrau na escada espiritual que nos leva a uma forte conexão com a Luz e fonte de milagres. Nós só caimos se permitimos que culpa se instale.

7. Quando alguém está criticando você sem amor ou até mesmo com raiva, fique calado. Existe sempre uma mensagem. Mesmo que o mensageiro esteja totalmente errado nesta circunstância em particular. É o retorno de uma mensagem para você que está relacionada a algum incidente anterior.

8. Quando seus filhos estiverem dormindo no meio da noite, sussurre em seus ouvidos palavras maravilhosas de encorajamento e de profunda sabedoria e verdades simples.

9. Inteligência não é  consciência. Inteligência se refere à quantidade de informações que você possui. Consciência se refere à qualidade de sua alma, sua pureza e capacidade de amar os outros incondicionalmente. Você pode ser intelectualmente brilhante, mas possuir um nível extremamente baixo de consciência. E vice-versa.

10. Se você não sabe rezar corretamente, você deve saber que se você derramar uma lágrima para os céus pedindo para o Criador o poder de mudar a si mesmo, a sua oração será atendida.

11. Se acontecer de você estar correndo para o lugar onde você reza ou se conecta e você parar para ajudar um animal ferido ou alguém e você perder “a conexão”, você deve saber com certeza que completou todas as conexões de oração para esse dia. Sorria. A oração é um meio não um fim. O fim é a bondade.

12. Não há certo ou errado. A Luz é infinita e ambos os lados de um debate estão incluídos na Luz. Há apenas conexão ou desconexão. Pode-se estar certo e triste ou errado e feliz. Em vez de lutar para estar certo, se esforce para se conectar com o Criador. Fazemos isso através de um pouco de tolerância e se esforçando para manter a unidade com aqueles que “nos irritam”.

13. O Amor nunca é a causa de um casamento. O verdadeiro Amor é o efeito..Um casamento que dura é fruto de muitos anos de crescimento, trabalho duro, luta e transformação espiritual genuína. Leva uma vida para o Amor autêntico florescer entre duas pessoas. O verdadeiro amor só floresce se a relação é definida profundamente sobre uma base espiritual, que inclui dedicar seu tempo para contribuir usando seus talentos e dons para a melhorar do mundo.

14. Nossas lágrimas abrem as portas do céu. Nossas lágrimas mantem as portas do céu fechado. Como pode que ambas as declarações estão certas? As lágrimas que derramamos em nome de outros,abrem os portões. As lágrimas que derramamos por nós mesmos por tudo o que não temos, estas lágrimas mantem as portas do céu fechadas.

Para saber mais:www.kabbalahcentre.com.br
SP | 11 3061 2307 | kcsaopaulo@kabbalah.com
Alameda Itu, 1561 | Jardins

Um Novo Recomeço

Agora, mais do que nunca, as pessoas estão se esforçando para um propósito espiritual: serem melhores seres humanos. Mas para aqueles de nós que já estão em um caminho espiritual ,conectando, orando e fazendo coisas para os outros, é mais difícil de descobrir exatamente o que precisamos mudar e como podemos alcançar o próximo nível.

Às vezes nos perguntamos: “Eu não entendo como é que eu não estou” lá “ainda?” Ficamos frustrados. Nós sentimos atrás achando que deveriamos estar 10 passos à frente. Mas, realmente, quem disse que devemos estar ” lá” em tudo? Um aspecto que temos de trabalhar, mesmo quando já nos tornamos espirituais, é não olhar para a solução rápida. Um caminho espiritual não é ir sempre para cima. Os testes espirituais que precisamos  superar a fim de crescer podem ser muito difíceis e complicados.

Ninguém se torna uma pessoa iluminada de um dia para o outro. É um trabalho difícil, de fato, é o trabalho de ser capaz de realmente nos olharmos nos olhos. Muitas vezes, gostamos de apontar o dedo ao que está errado com os nossos colegas, nossos cônjuges, ou nossos vizinhos. Mas o que nós realmente precisamos lembrar é que quando apontamos um dedo, há quatro dedos apontando de volta para nós.

Uma das maneiras que nós podemos acelerar nosso processo é olhar para as emoções negativas . Como já mencionei muitas vezes, qual é a punição para o ciúme? É mais ciúme. O ciúme é a consciência do “não importa o que eu tenho, eu nunca vou ser feliz com ele.” Ser ciumento é a incapacidade de apreciar o que temos. Qualquer emoção negativa, como o ciúme é como um câncer. A emoção negativa em si é a doença! Mas não há nenhuma cura externa para maldade ou ódio. Uma mudança interna é necessária. Se pudermos compreender este conceito e aplicá-lo a todos os tipos de emoção negativa que experimentarmos, então podemos começar a construir uma unidade de espírito em nós mesmos.

Com tudo o que queremos em nossas vidas, precisamos começar no nível de semente e construir com honestidade e força da raiz. Podemos fazer crescer uma árvore muito bonita, se plantarmos a semente certa. Estamos em um momento em que todos nós podemos tomar medidas internas: em primeiro lugar, para determinar essas coisas que temos de mudar e manifestar essa mudança. Isso vai exigir uma grande quantidade de conexão de busca da alma e espiritual. Mas é através deste trabalho interno e das ações que faremos que construiremos nossa espiritualidade .

Karen Berg

Para saber mais : http://www.kabbalahcentre.com.br/

Felicidade

Todos nós queremos ter sucesso na vida, tanto espiritualmente como materialmente.Nosso maior desejo é ser feliz.
Muitas pessoas se perguntam: “Por que Eu não posso ser um sucesso? “Por que as coisas não vão do jeito que eu quero?”
O problema é que nos realmente não nos conhecemos a nós mesmos,assim não temos consciência de nossas capacidades reais.Muito menos do que é felicidade…
Conheça a si mesmo!
Felicidade…
Muitas vezes acreditamos que quando trabalhamos muito duro e passamos  a vida construindo,fazendo e adquirindo coisas,no final da estrada vamos encontrar a felicidade. Vamos, finalmente, nos sentir completos. Infelizmente, o que acontece muitas vezes é que nunca chegamos ao fim da estrada, e a satisfação duradoura nos escapa.

Nós podemos nos tornar escravos de relacionamentos, dinheiro, trabalho, e às vezes até mesmo  de drogas e álcool. Muitas vezes, estas preocupações tornam-se nossas rotas de fuga da vida real e transformação, permitindo-nos esconder atrás de tudo o que escolhemos ser quando estamos tentando ser algo que não somos.

Cabalisticamente falando, ser um escravo de qualquer coisa é negar o fato de que somos parte do Criador. Cada um de nós tem a capacidade de fazer o que queremos com nosso corpo físico, seja positivo ou negativo – e todos nós de fato vamos fazer coisas negativas. Não há qualquer dúvida sobre isso. Temos que entender que o trabalho real neste mundo é dominar a consciência que a vida é só sobre mim.

Se passamos nossos dias perseguindo coisas que não satisfazem nossos desejos mais profundos de realização, acabaremos por nos sentir vazios e sem alegria. Se trabalhamos apenas para servir o corpo e ignoramos os anseios da alma, vamos morrer de fome neste aspecto tão importante do nosso ser. Isso não significa que precisamos renunciar ao mundo físico, mas sim apenas  eliminar o seu controle sobre nós. Felicidade profunda e duradoura só pode vir quando nossas almas são alimentadas, e o único alimento que satisfaz a alma vem a nós quando conseguimos nos tornar seres capazes de compartilhar.

Você não pode ver  ou pegar o sentimento de satisfação ou felicidade. Não tem uma cor, forma ou preço. Você pode medir quanto tempo ou quão alta é a sua felicidade ? Todos os desejos que temos na vida – felicidade, amor, segurança, são completamente metafísicos, que é dizer que eles não tem substância física. Pode haver aplicações físicas para esses desejos, mas sua essência é totalmente espiritual.

Infelizmente as pessoas esquecem a sua verdadeira missão, quando eles vêm a este mundo. Passamos a vida distraidos com coisas materiais. Para superar isso, a vida bate na nossa porta(as vezes de maneira muito triste e desconfortável) até que percebamos a nossa verdadeira fonte de Luz e finalidade do viver. Se você olhar atentamente para os seus momentos mais felizes, você pode ter certeza de que havia alguém lá para apreciá-lo com você. É por isso que estamos aqui: para compartilhar nossa alegria e luz com o outro.

Temos a capacidade de ver além das nossas ilusões. Quando vivemos com a Luz dentro de nós e consideramos uns aos outros,encontramos a felicidade e bênçãos. Quando consideramos apenas de nós mesmos, somos infelizes e sempre insatisfeitos.

Por Karen Berg -diretora do Kabbalah Centre

Seja Feliz de Qualquer Maneira

O profeta Nathan visitava o Rei Davi toda noite e lhe dizia: “Hoje, foi isso que você fez de errado, isso o que você falou de errado, essas as pessoas que você magoou”. Você pode imaginar ser confrontado toda noite com cada transgressão cometida durante o seu dia? A maioria de nós provavelmente não teria a menor vontade de que a hora de ir para a cama chegasse!

Mas o Rei Davi era diferente. Quando escutava essas coisas, ele escrevia uma canção de felicidade. Saber o que havia feito de errado durante o dia lhe trazia grande alegria, porque ele entendia que somente através dessa informação poderia saber o que precisava corrigir – e somente assim seria capaz de revelar mais do seu potencial no mundo.

Essa história nos lembra de que a única maneira de saber o que temos que mudar é reconhecendo onde o “outro lado” se infiltrou em nossa personalidade. Reconhecimento é o primeiro passo para a nossa elevação espiritual. Se estivermos abertos nesta semana, então o universo nos mostrará os aspectos de nós que estão nos impedindo de obter verdadeira plenitude em nossas vidas.

Pensem nisso. Quando as pessoas nos ofendem, ficamos com raiva ou estremecidos com elas. Quando dizem alguma coisa que nos desagrada, somos rápidos em desprezá-las, as tomando como idiotas ou inúteis. Não é impressionante, então, o fato de que o Criador nunca faça o mesmo conosco? O Criador sempre escuta. O Criador sempre nos dá outra chance.

Nesta semana, vamos tentar ser como o Criador, permanecendo abertos e escutando as coisas difíceis sobre nós mesmos que sejam desconfortáveis de ouvir, que talvez preferíssemos desconsiderar. Não devemos sentir vontade de matar o mensageiro; afinal de contas, ele está ali para nos ajudar. Não importa a aparência externa: contanto que tenhamos feito tudo o que pudermos para criar um ambiente positivo para nós, qualquer coisa negativa que surja então, acontecerá para nos dar um ensinamento ou mostrar algum aspecto nosso em que precisamos evoluir e mudar.

Madre Teresa disse uma vez: “Nem todos nós somos capazes de fazer coisas grandes, mas somos capazes de fazer pequenas coisas com muito amor”. Seguindo a mesma linha, geralmente queremos mudar o mundo inteiro – com todos os seus problemas – de uma vez só. Ao invés disso, vamos nos contentar em realizar aquelas pequenas mudanças graduais que podemos fazer agora, embora a ciência esteja nos mostrando e os kabalistas já venham dizendo há séculos que nossas ações positivas realmente possuem um efeito quântico sobre o mundo.

Portanto, nessa semana, vamos aprender com o Rei Davi a ficarmos felizes quando o universo nos mostrar o que precisamos mudar, a fim de superarmos nossos bloqueios e nos aproximarmos cada vez mais da Luz do Criador. Por Karen Berg

Se gostou desse texto, compartilhe!